(XS), (S) e (M)imosa são três dos cinco modelos da série Twenty looks or Paris is burning at the Judson Church, cuja pergunta é: o que teria acontecido se alguém do meio voguing tivesse ido à Judson Church, no Greenwich Village, naquele ano de 1963, para dançar com os pioneiros da dança pós-moderna?

(M)imosa é uma colaboração coreográfica entre Trajal Harrell, Cecilia Bengolea, François Chaignaud e Marlene Monteiro Freitas. O formato médio da série é algo indefinido, entre um concerto de rock, uma coreografia, um caraoquê, um jogo de máscaras. Os cocriadores vivenciam e partilham a distância entre eles e suas fontes de inspiração.

Trajal Harrell é bailarino e coreógrafo original da Georgia, mas sua trajetória é inseparável de Nova York. Foi artista residente na The White Oak Residency and Dance Center, no Snug Harbor Cultural Center, Movement Research, Bennington College, CDC Toulouse, ICA Boston, PACT Zollverein e Workspace Brussels.

Cecilia Bengolea estudou história da arte em Buenos Aires. Tem trabalhos colaborativos com Yves-Nöel Genod, Joris Lacoste, Alice Chauchat, Alain Buffard e Mathilde Monnier, dentre outros. É coautora, com François Chaignaud, de Pâquerette (2005-08), Sylphides (2009), Castor & Pollux e Free dance (2010).

François Chaignaud é graduado pelo Conservatoire National Supérieur de Musique et de Danse (CNSM), em Paris. Trabalha em parceria com Emmanuelle Huynh, Gilles Jobin, Tiago Guedes e Alain Buffard, dentre outros. Acadêmico em história, publicou o livro L’affaire Berger-Levrault – Les féminismes à l’épreuve (2009), sobre o feminismo na França.

Marlene Monteiro Freitas é cofundadora, em Cabo Verde, do grupo de dança Compass. É membro do coletivo lisboeta Bomba Suicida e trabalha regularmente com Emmanuelle Huynh, Loic Touzé, Tânia Carvalho e Boris Charmatz.

Concepção e performance: Trajal Harrell, Cecilia Bengolea, François Chaignaud, Marlene Monteiro Freitas Design de luz: Yannick Fouassier Produção: Vlovajob Pru (Paris) Coprodução: Le Quartz, Scène Nationale de Brest; Théâtre National de Chaillot (Paris); Centre de Développement Chorégraphique (Toulouse); The Kitchen (Nova York); Bomba Suicida (Lisboa); MC-DGArtes (Portugal); FUSED, French US Exchange in Dance Apoio: Ménagerie de Verre (Paris); Laboratoires d’Aubervilliers; Lower Manhattan Cultural Council (Nova York) Patrocínio: DRAC Poitou-Charentes e Institut Français

Apoio de turnê: Institut Français e Consulado Geral da França.

Parceiro de turnê: SESC SP.