IBEJIS – a certeza da continuação mora nas crianças

Ricardo Xavier com assistência do coletivo Papo de Laje e estudantes da Escola
Municipal Nova Holanda

COMPLEXO DA MARÉ

IBEJIS — a certeza da continuação mora nas crianças é um encontro de memórias e histórias que nos enchem de
esperança de um presente e futuro melhor. Nos tormamos quem somos a partir nossa conexão com o mundo, e
dentro desse contato somos amparados por nossa ancestralidade, que nos ilumina e protege em nossos
caminhos. Somos herança rica de nossos antepassados e no mundo contemporâneo devoramos nossas histórias
e construimos novas memórias. É em roda, dançando, cantando e cortejando a felicidade junto de nossas
crianças, que o presente de nosso futuro abre alas para o nascer de um novo mundo.

Ricardo Xavier é cria e morador da favela da Maré. Artista educador, coreógrafo, intérprete criador, prepara-
dor corporal, ensaiador, professor, pesquisador, produtor, mobilizador e articulador cultural. Trabalhou 7 anos na
Lia Rodrigues em Cia de Danças. Já dançou em vários países e assina autoria em projetos como Pausa sem silên-
cio, Do Aye até ofio da navalha e Ori. Atualmente é diretor do coletivo Papo de Laje em seus projetos e pesquisas
e voltadas paraa arte, temitório e identidade.

Diretor e professor: Ricardo Xavier
Professoras e provocadoras cênicas: Luana Domingos, Nyandra Femandes e Sendy Silva
Produção: Andrey Silva
Assistente de produção: Liliane Almeida.
Fotógrafa: Nataly Alves
Apoio: Coletivo Papo de Laje