Ações Performativas para (Des)formar oTempo

Carol Cony, Vima Bemvenuto e estudantes da E.M. Senador Correa

LARANJEIRAS

Como a experiência artistica remodela a relação com o tempo? Há espaço na escola para o tempo da criação?
Peso, forma, volume, linha, plano, cor, textura, composição: movimentações para uma docência inventiva. Um
convite para reimaginar espaços: suspender, deformar os gestos: deslocar, engajar o corpo: desabituar. Uma
investigação inventiva sobre o que está aparentemente fixo, uma abertura aos modos poéticos de ensinar e
aprender.

Carolina Cony é artista que transita entre linguagens. Formada em dança pela Faculdade Angel Vianna em 2009
(RJ) e mestra em Educação na Unirio. Faz parte do espetáculo/intervenção Mão — translação da casa pela
paisagem. Foi integrante do grupo de circo Intrépida Trupe, participando dos espetáculos Metegol, Sonhos de
Einstein e Coleções.

Vima Bemvenuto é artista professora de Artes Visuais na Educação Básica. Atua no Colégio de Aplicação – UFRJ
e na rede municipal de Duque de Caxias. Formada em Artes Plásticas – Licenciatura pela Escola de Belas Artes da
Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e mestrado em andamento no Programa de Pós-Graduação em
Educação da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (PPGEDU/UNIRIO). Integrante do grupo de pesquisa FRESTAS.